Projeção astral é algo que pode ser aprendido

astral-projection-249x300Como a quantidade de esforço aplicada para atingir uma experiência fora do corpo varia de pessoa para pessoa, um pouco de teoria e a seleção da abordagem correta podem fazer muita diferença.

Este artigo é dividido em três seções: o processo, dicas para ajudar a começar e uma visão geral dos benefícios que as experiências fora do corpo geram.

O PROCESSO

Experiência fora do corpo para iniciantes em três passos

Quando tento explicar a projeção astral para iniciantes, eu geralmente divido o processo em três etapas:

1) você precisa decolar

2) você precisar conseguir permanecer lúcido enquanto fora do corpo

3) você precisa rememorar a experiência quando você voltar para o corpo físico

astral_projection

1) Decolagem

Se você está tentando entender como se projetar facilmente, a primeira coisa que precisa saber é como executar a decolagem. Em outras palavras, você deve aprender como relaxar o corpo físico ao ponto que o psicossoma (corpo astral) esteja livre para decolar.

Além da relaxação do corpo físico, é necessário que você consiga a “relaxação” equivalente do energossoma (corpo energético). Saber como desbloquear seus chacras e atingir uma melhor distribuição de energias pelo energossoma pode ser de grande ajuda nesse processo. Idealmente, você deveria atingir com as suas energias um estado que produza uma ligeira expansão do seu energossoma. Uma vez que o energossoma é a “cola” entre o corpo físico e o psicossoma (corpo astral), você estará em melhores condições para a decolagem.

O desbloqueio dos chacras e a expansão das energias não são condições absolutamente necessárias para produzir uma experiência fora do corpo lúcida, porém trabalhar com isso pode aumentar de maneira significativa as suas chances de decolagem.

Áreas bloqueadas no energossoma podem manter o corpo astral “colado” ao corpo físico. Por exemplo, você pode chegar ao ponto de relaxamento em que sente suas pernas e braços flutuando, e até consegue mover um pouco a cabeça do psicossoma, mas sente como se tivesse um peso sobre o peito que o mantém dentro do corpo.

2) Permanecendo lúcido durante a decolagem

No processo de aprender como atingir a projeção astral, lucidez é primordial. Estar lúcido significa estar consciente, ciente, compreendendo as informações que recebemos do ambiente ao nosso redor como fazemos enquanto estamos acordados. Podemos dizer que lucidez significa estar “acordado”, porém não usamos esta palavra para evitar confusão com o estado do nosso corpo físico.

Nosso corpo físico pode estar acordado ou dormindo. Nós, como consciências, podemos estar lúcidos ou não. Então o truque para a projeção astral é colocar o corpo físico para dormir mas permanecer lúcido. A consciência não é o corpo físico, e portanto não precisa dormir.

3) Rememorando sua Experiência Fora do Corpo

O terceiro ponto necessário enquanto estamos aprendendo a fazer a projeção astral é lembrar da experiência depois que ela ocorre. Esta, geralmente, não é a parte que requer a maior quantidade de informação e treinamento.

Quando você está fora do corpo, tudo que você experiencia é captado pelo seu “cérebro extrafísico” (ou paracérebro) no seu corpo astral (ou psicossoma). Por, quando você volta ao corpo físico a transferência de informação precisa acontecer do paracérebro para o cérebro físico. Esta é a essência do processo de rememoração.

Há coisas que você pode fazer antes da projeção para ajudar a rememoração. Autossugestão é uma técnica que você pode usar antes de tentar a experiência fora do corpo. Esta técnica consiste em repetir uma frase para si mesmo durante alguns minutos. Repetindo cinco ou dez vezes é geralmente efetivo. Se puder dizer em voz alta e após ter atingido algum nível de relaxação, será ainda melhor.

A frase deve ser simples e direta, algo como “eu vou sair do meu corpo com lucidez e lembrar de tudo quando voltar”. É importante prestar atenção ao que você está dizendo e dizer isso “com energia” e confiança.

Durante a experiência fora do corpo você pode tentar repetir nomes de pessoas e lugares que você conhece e também dizer para si mesmo que vai lembrar-se daqueles nomes após acordar. Voltar ao corpo físico por sua própria decisão geralmente ajuda a ter uma reconexão mais controlada, com a transferência geral de informações para o cérebro físico.

Um fator importante para se lembrar da sua experiência é acordar lentamente e manter a sua atenção no processo de rememoração enquanto se reconecta. Se você acordar bruscamente, após um alarme alto, e rapidamente se mover para desligá-lo, você reduz as suas chances de rememoração.

A conduta ideal para a rememoração é a reconexão lenta. Aqueles tipos de alarme que aumentam o volume gradualmente podem ajudar nesse sentido. Você deve perguntar a si mesmo se se lembra de alguma coisa do período que o seu corpo físico estava dormindo, antes de fazer qualquer movimento.

Em resumo: coloque o seu corpo físico para dormir, fique lúcido e tente controlar o processo de reconexão para se lembrar da experiência!


IAC Brasil